Não é o Fim

Série “Volte”

João 11:38-44 TB

         “Jesus, gemendo outra vez em si mesmo, foi ao túmulo; era este uma gruta, a cuja entrada estava posta uma pedra. Jesus disse: Tirai a pedra. Disse-lhe Marta, irmã do morto: Senhor, ele já cheira mal; porque está morto há quatro dias. Respondeu-lhe Jesus: Não te disse eu que, se creres, verás a glória de Deus? Tiraram, então, a pedra. Jesus, levantando os olhos, disse: Pai, graças te dou que me ouviste. Eu sabia que sempre me ouves, mas assim falei por causa desta multidão que me cerca, a fim de crerem que tu me enviaste. Tendo assim falado, clamou em alta voz: Lázaro, sai para fora! Saiu aquele que estivera morto, ligados os pés e as mãos com faixas e envolto o seu rosto em um lenço. Disse-lhes Jesus: Desatai-o e deixai-o ir.”

 

Introdução

         Esse episódio das escrituras mostra o que com certeza foi o mais impressionante milagre, que Cristo realizou. Trouxe de volta dos mortos a Lázaro, que já estava em decomposição por quatro dias.

         Lázaro era amigo íntimo de Jesus, e a casa dele era, sem dúvida, o lugar preferido onde Jesus gostava de estar, e essa intimidade é a razão pela qual Jesus deu a ele uma segunda oportunidade de vida, uma segunda chance de cumprir o propósito de Deus, mas dessa vez com um componente sobrenatural incontestável para apresentar à sua geração.

         A tragédia na vida e na família de Lázaro se tornou em seu maior argumento para levar pessoas a Cristo.

         Temos passado por momentos difíceis em várias áreas da nossa vida, mas hoje o Senhor nos diz, que NÃO É O FIM!!!

 

Cheira Mal

         Quando Jesus finalmente chegou em Betânia, Lázaro já estava morto há quatro dias. Jesus se demorou de propósito porque Ele queria que Lázaro tivesse um tempo completamente novo em sua vida, que ele fosse a manifestação da Glória de Deus ambulante. Jesus escolheu a Lázaro para ser o “homem ressurreição”, e assim muitos pudessem se converter a Cristo por meio do seu testemunho.

         Mas quando Jesus chegou a Betânia, tudo que Ele encontrou ali foram dúvidas, incredulidade, tristeza e até revolta, pois Ele foi questionado por Marta, que lhe disse que se Ele tivesse chegado antes, Lázaro não teria morrido. Ninguém estava entendendo o propósito do que estava acontecendo, e é exatamente o que acontece conosco muitas vezes. Olhamos a morte à nossa volta, não entendemos quais são os propósitos de Deus por trás da morte, e o questionamos, porque achamos que devíamos ter sido livrados daquela situação, mas na verdade seremos livrados em meio à situação.

         Quando Jesus chegou diante do túmulo, em meio às lágrimas de todos e das suas próprias, pois Ele sentiu a dor que estava inundando aquele lugar, e deu o comando para que removessem a pedra do túmulo, mas os argumentos humanos eram que não havia mais porque fazer isso, uma vez que Lázaro já estava em decomposição, por já estar morto há quatro dias. Todos pensaram que era o fim.

         Temos muitos motivos para pensar que acabou, a lógica e os argumentos humanos vão todos nesse sentido, mas precisamos começar a aprender, que onde Jesus está, a morte perde a sua forca, se Jesus chegar podemos crer que NÃO É O FIM da história, e que a Glória de Deus se manifestará onde antes havia morte, dor e desespero.

 

Veremos a Glória de Deus

         Quando todos diziam que era impossível acontecer o milagre naquela circunstância, Jesus lhes lembrou de algo que sempre ensinava: “Respondeu-lhe Jesus: Não te disse eu que, se creres, verás a glória de Deus?”

         Por que insistimos em viver na lógica humana e não cremos que Ele pode fazer seus milagres em nossa vida?

         Segundo Jesus, só existe um pré-requisito para vermos a Glória de Deus: CRER!!! Será que temos crido que os sonhos e promessas que o Senhor nos deu se cumprirão? Será que cremos que aquilo que parece ter perecido pode ressuscitar, pode voltar a viver?

         Deus te prometeu um ministério, células, discípulos, mas você hoje vê morte em tudo isso, mas saiba que é em meio à morte que Cristo manifesta a sua Glória! Não, NÃO É O FIM, Ele quer te dar hoje uma nova oportunidade de vida, um novo futuro. Olhe novamente para as estrelas do Céu, sonhe novamente com as suas células, Jesus está hoje aqui gritando o seu nome e dizendo: VEM PARA FORA!!!

 

Volte de Entre os Mortos (João 12:9-11)

         Quando satanás quis matar prematuramente a Lázaro, ele não imaginava que seu tiro iria sair pela culatra, não esperava que Jesus fosse ressuscita-lo de uma maneira tão extraordinária, e assim ele fosse se tornar uma pregação ambulante sobre Jesus.

         As pessoas não iam somente ver Jesus quando Ele estava em Betânia, mas iam ver a Lázaro, queriam ver o homem que notoriamente havia estado morto por quatro dias, queriam ver o Senhor Jesus, e a prova do seu divino poder, ou seja, Lázaro.

         Da mesma forma, quando o inimigo trouxe morte em sua vida, em nossas famílias, em nossas células e em nossa Igreja, ele não esperava que Jesus fosse dizer a nós hoje: VEM PARA FORA!!! Ele não contava que iríamos ressuscitar após tanto tempo mortos, mas SIM, a partir de hoje nós saímos dos túmulos do desânimo, das covas do pecado e dos sepulcros das sentenças malignas contra nossas vidas!!!

         Daqui pra frente muitos que nos viram mortos e sepultados em várias áreas, virão ver a ressurreição que se operou em nossas vidas, todos desejarão ver Jesus, e a prova de que Ele faz milagres, e essa prova somos nós.

         Hoje é a última mensagem da nossa série “VOLTE” e o que Deus espera de nós é que voltemos ao propósito, que voltemos ao lugar que o Senhor nos mandou estar, Ele deseja que voltemos, ainda que tenhamos que sair de um túmulo para ir a Ele.

         Esqueça o que passou, NÃO É O FIM, Ele continua clamando: VEM PARA FORA!!!

Pr. Jasinho

 

<< Mensagens Anteriores